O país está com ele!

Nunca Rubens Barrichello teve tanto apoio do país como em dois momentos do GP de Interlagos. O primeiro, quando todos torceram para que ele batesse em Lewis Hamilton. E o segundo, que dura até agora, quando o inglês ganhou e o país inteiro pediu sua aposentadoria. A esperança é a última que morre.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *