Mantendo o padrão

Quando Rubens Barrichello conseguiu a sétima posição na sua corrida de número 300 muita gente achou que seria um domingo diferente, de comemorações. Mas certo estavam aqueles que foram conservadores e apostaram no de sempre. E deu o óbvio!

Rubinho curtiu seu 300 GP do jeito que mais sabe fazer: bateu, quebrou o carro e teve que abandonar a prova logo na primeira volta… Ou seja, comemorou mantendo o padrão.

Mais do mesmo

Faz tempo que a Fórmula 1 não traz grandes novidades para quem gosta do esporte. E quando traz, nem sempre é o que se pode chamar de boa nova.

No GP da Hungria, por exemplo, quase nada mudou. Sebastian Vettel larga na pole pela sétima vez este ano, Barrichello larga, mas não sabe se termina. E tem o Felipe Massa, que larga em quarto, mas de qualquer jeito chega atrás do Alonso.